Política

Modelo das unidades educacionais de Palmas é referência nacional

Comitiva de gestores do município de Sinop, em Mato Grosso, visitou algumas escolas para conhecer o sistema implantado na Capital

Referência e modelo de estrutura, qualidade e desempenho, o sistema educacional implantado em Palmas tem atraído diversos gestores de cidades brasileiras. E foi em busca desse diferencial que o prefeito de Sinop em Mato Grosso, Roberto Dorner, juntamente com uma comitiva, conheceu nesta quarta-feira, 14, algumas unidades educacionais da rede de ensino.

Logo pela manhã, o gestor mato-grossense foi recepcionado pela prefeita Cinthia Ribeiro em seu gabinete. Em seguida, acompanhado da sua equipe de técnicos e da secretária Municipal da Educação de Palmas, Cleizenir dos Santos, seguiu para a Escola de Tempo Integral (ETI) Fidêncio Bogo, em Taquaruçu Grande, para conhecer sua infraestrutura, seus espaços, as práticas pedagógicas adotadas, bem como todo o funcionamento da rotina diária da unidade escolar, com vistas a implantar um modelo semelhante em Sinop.

A comitiva conheceu as salas de aula, o bloco esportivo, a padaria, a rádio escolar, os tanques para cultivo de peixes, e o espaço para produção de hortaliças, frutas e tubérculos usados na alimentação escolar. Os visitantes também conheceram o Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Romilda Budke, na Arse 102 (1.006 Sul), e o modelo voltado para o atendimento à educação infantil.

Para Cleizenir, os resultados são a soma de um trabalho desenvolvido em diversas frentes. “Temos atuado incansavelmente para ofertar aos palmenses um ensino de qualidade em unidades educacionais bem estruturadas, confortáveis e aconchegantes, além dos brilhantes profissionais que atuam na rede municipal de ensino. O resultado de tudo isso está aí: somos referência para outros gestores do país. Temos uma gestão que acredita e investe na educação, para garantir um futuro melhor a todos”, disse.

Dorner disse ter despertado sua curiosidade de conhecer o ensino de Palmas depois de visitar Brasília em busca de recursos para construir escolas em Sinop, e ser informado sobre as experiências exitosas da capital tocantinense. “Ficamos muito satisfeitos com a recepção calorosa e também pelo que estamos vendo aqui. Escolas construídas com muito zelo e carinho, bem estruturadas, arrumadas e funcionais, que servirão de espelho para o que queremos construir em nosso município”, destacou ao acrescentar que é um exemplo para a educação de todo o país. “Tudo que é bom pode e deve ser copiado”, finalizou.

[relatedposts]

A secretária Municipal de Educação, Esporte e Cultura de Sinop, Sandra Donato Ferreira, informou que o foco é entender o funcionamento da parte metodológica aliada à estrutura das unidades escolares. “Palmas hoje é uma referência em nível de Brasil nas escolas de tempo integral, e como o nosso gestor, ao elaborar o seu plano de governo estabeleceu como meta construir escolas de tempo integral. Desde que assumimos estamos em busca de construir essas escolas, com essa qualidade, unindo a parte estrutural com a parte pedagógica, com as boas práticas educacionais, por isso estamos aqui”, disse.

Segundo a gestora, Sinop possui uma população estimada em torno de 200 mil habitantes e sua rede municipal de ensino atende atualmente 17 mil alunos distribuídos em 39 unidades educacionais da educação infantil ao ensino fundamental.

Também integram a comitiva de Sinop a vereadora Graciele Marques, a coordenadora pedagógica de Educação Básica, Carla Sprizão Ponce, e o engenheiro civil Charles Fagner.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Enviar Mensagem
Envie seu conteúdo agora!
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Pauta Notícias.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios