Regional

Mesmo com isolamento social, HGP registra 110 casos de acidente de trabalho só este ano

Foto: Nielcem Fernandes/Governo do Tocantins

Mesmo com o isolamento social nos anos de 2020 e 2021, em que muitas pessoas ficaram períodos sem ir ao trabalho, ou atuavam em casa, os acidentes de trabalho sofreu um aumento de casos 26 registrados no Tocantins, em relação aos dois anos citados. Cerca de 84 pacientes deram entrada no Pronto-Socorro da Unidade por acidente de trabalho só de janeiro a maio de 2020, conforme dados do Escritório da Qualidade. Este ano, no mesmo período, o número de atendimentos subiu para 110.

Dentre os principais tipos de acidentes de trabalho dos pacientes estão: queda de altura, acidente de motocicletas ou de carro no percurso do trabalho, choque elétrico, amputação de membros e perfurações com material cortante.

“Estes pacientes dão entrada na urgência e emergência, por meio de ambulâncias do Samu [Serviço de Atendimento Móvel de Urgência] ou do Corpo de Bombeiros. Realizamos o primeiro atendimento e encaminhamos para os setores e especialidades indicadas. O HGP conta com equipes qualificadas para uma assistência contínua, ininterrupta [24 horas]”, explica a coordenadora de enfermagem do Pronto-Socorro, Ariana Mayara do Brasil.

O médico ortopedista do HGP, Ronaldo Rêgo Rodrigues, ressalta que “em casos graves de acidentes de trabalho com fratura expostas, múltiplas fraturas, nossa equipe precisa realizar procedimento de urgência e emergência no centro cirúrgico, no momento que o paciente chega ao hospital. Dependendo da gravidade, pode necessitar de leito de UTI [Unidade de Terapia Intensiva]. Além disso, pode haver sequelas do acidente, ou precisar esperar um espaço de tempo para que esse paciente possa voltar à sua atividade de rotina diária. Por isso, alertamos para o cuidado com este tipo de acidente no dia a dia”, destaca.

[relatedposts]

Alberes Matias Oliveira é um dos pacientes internados no HGP, ele sofreu este tipo de acidente. Estava realizando um serviço de comunicação visual e sofreu um choque, fraturando o braço esquerdo. “Foi em poucos segundos, senti o impacto no braço. Nasci de novo”, revela.

Com desemprego em mais de 14%, saiba como se comportar em uma entrevista

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Enviar Mensagem
Envie seu conteúdo agora!
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Pauta Notícias.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios