Regional

MP que modifica Estatuto dos servidores da Policia Civil é convertido em lei

Em duas sessões extraordinárias foi aprovado o projeto de conversão originário da Medida Provisória Nº 04/2001, que estabelece mudanças no quantitativo de cargos à disposição para mandatos classistas. A MP foi convertida em projeto, com emenda modificativa ao art.104 da Lei 1.818 de 23 de agosto de 2007, que dispõe sobre o Estatuto dos Servidores Públicos do Estado do Tocantins e ao art. 76 da Lei 3.461 de 25 de abril de 2019.

Além das mudanças previstas no quantitativo dos cargos à disposição para mandatos classistas, as remunerações serão restritas somente aos presidentes ou dirigentes máximos, cabendo as entidades custearem as demais disposições.

Omar Aziz anuncia data para depoimento de Carlesse na CPI da Pandemia

[relatedposts]

Também fica estabelecido perante sindicatos e associações cuja regional conte com, no mínimo, quinhentos sindicalizados e associados a admissão, nesta unidade local, mediante eleição, contar com um servidor público licenciado para o respectivo mandato classista, com ônus para a correspondente entidade.

As licenças para manter os demais dirigentes à disposição serão mediante manifestações favoráveis do secretário de Estado da Administração e do secretário de Estado da Segurança Pública.

O servidor investido em mandato classista não pode ser removido ou redistribuído de ofício para localidade diversa daquela onde exerce o mandato.

Jalapão é cenário para novo DVD da cantora Lauana Prado

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Enviar Mensagem
Envie seu conteúdo agora!
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Pauta Notícias.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios