FeaturedMundo

Em Israel, Ernesto Araújo cita parceria para desenvolver remédios de ‘prevenção e tratamento’ da Covid-19

Na manhã deste domingo, 07, o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, fez um pronunciamento diretamente de Israel, onde está com uma comitiva que tem como objetivo estreitar as relações do Brasil com o país do Oriente Médio e para negociar um spray utilizado para o tratamento contra a Covid-19. Em inglês, Ernesto ressaltou os esforços do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para unir as nações e falou sobre a colaboração entre os países na área de tecnologia. “É um capítulo muito importante da nossa história, talvez o mais amigável e produtivo capítulo na história do Brasil e das relações exteriores até agora. Esse tem sido um dos maiores comprometimentos do presidente Bolsonaro, ele está criando alianças e isso é sobre o que o povo brasileiro quer e precisa. Nós viemos para ajudar e para cooperar em áreas decisivas para o Brasil como na tecnologia”, disse.

O ministro também comentou sobre a área de segurança e citou que é preciso “prestar atenção em organismos criminosos e terroristas na região do Brasil e da América Latina“. Apesar do terrorismo não ser uma ameaça eminente no Brasil, Ernesto informou que a pauta é uma ‘prioridade’ para o governo. No quesito de combate à pandemia de Covid-19, o representante do governo brasileiro citou que Israel tem sido uma referência em diversas áreas e que há uma vontade de que Brasil e Israel trabalhem juntos no desenvolvimento de vacinas e medicamentos para ‘prevenção e tratamento’ da doença.

“Israel está dando exemplo na luta contra a Covid-19. Esse país maravilhoso está dando exemplo em várias áreas como a vacinação e medidas contra a doença. Nós queremos ser parceiros para o desenvolvimento de vacinas e medicamentos que possam prevenir ou tratar a Covid-19 para que o mundo volte ao normal. Todos estão mobilizados e o Brasil pode mostrar isso, da capacidade de ir além do que outros países estão fazendo”, disse. Em seu discurso, que durou mais ou menos cinco minutos, Ernesto finalizou agradecendo a oportunidade e informou que reuniões ainda serão realizadas com o governo israelense nesta segunda e terça-feira.

Ministro israelense agradece apoio do Brasil contra Tribunal Penal Internacional

[relatedposts]

O ministro das relações exteriores de Israel, Gabi Ashkenazi, publicou em suas redes sociais um agradecimento à visita de Ernesto e seu apoio contra a decisão do promotor do Tribunal Penal Internacional em investigar a cúpula de Israel e do Hamas por crimes de guerra cometidos na Palestina desde junho de 2014. De acordo com Ashkenazi, a decisão “viola o direito internacional e remove a possibilidade de avançar nas negociações entre Israel e os palestinos”. No Twitter o tenente-general afirmou que Israel irá ajudar o Brasil de todas as maneiras no combate à pandemia.

Com informações jovempam.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Enviar Mensagem
Envie seu conteúdo agora!
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Pauta Notícias.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios