FeaturedRegional

Vigilância Sanitária libera “Tel Telemática” da interdição, porém funcionário reclamam; confira

A Vigilância Sanitária de Palmas, havia interditado na última quinta-feira (19) o call center Tel Telemática no centro da capital depois que funcionários realizaram protestos contra as condições de trabalho.

Eles denunciavam problemas sanitários e diziam ter medo de contaminação pelo novo coronavírus. A Vigilância entendeu que o risco existe e que os profissionais estão trabalhando em condições insalubres.

Porém, nesta terça-feira, 24, a Vigilância Sanitária Municipal realizou vistoria na empresa onde foram constatadas as devidas adequações recomendadas pelo referido órgão fiscalizador. Além de ressaltar que o serviço prestado pela empresa está classificado como necessário e não pode ser interrompido em sua totalidade”.

Por outro lado, alguns funcionários não gostaram da decisão da vigilância de Palmas:
Através de uma denúncia anônima um dos operadores notificou ao site que em forma de pressão a empresa obriga funcionários novatos a retornarem à empresa.

“Isso é um desrespeito com pais e mães de famílias, a empresa hoje suporta 1.600 operadores que atendem o INSS. Em quanto todos estão se unindo para que possamos passar por essa pandemia Sã e salvos, a empresa novamente coloca vidas de pais e mães de famílias em risco.

O que me vem na cabeça é: porque o INSS não disponibiliza servidores em seus respectivos locais de trabalho; disse.

Quer dizer que o INSS fecha seus estabelecimentos e seus colaboradores podem ficar em casa…Já os operadores de telemarketing tem que se sacrificar?

“A vida dos funcionários do INSS valem mais do que as dos operadores de telemarketing Autoridades?”; finalizou.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios