FeaturedRegional

Polícia Federal faz buscas e apreensões contra funcionários fantasmas no Governo do Tocantins

A Polícia Federal realiza buscas e apreensões na manhã desta terça-feira (17), no Tocantins, em uma operação que investiga a presença de funcionários fantasmas no Governo do Estado. Os investigados são suspeitos de atuarem nas contratações para desviar dinheiro. Cerca de 80 agentes atuam na Operação Assombro em Palmas, Araguaína e Dueré.

A ação é um desdobramento da operação Catarse, da Polícia Civil, que em 2018 encontrou indícios de pelo menos 300 fantasmas no Palácio Araguaia.

A nova operação é para cumprir 14 mandados de busca e apreensão determinados pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). Com viaturas descaracterizadas, vários agentes estiveram na Secretaria de Administração do Estado. Buscas também devem ser feitas em imóveis particulares.

De acordo com a PF, o objetivo dos suspeitos seria o “desvio de dinheiro em favor de particulares e desvio de finalidade, com o intuito de angariarem apoio político-eleitoral”.

Os policiais federais buscam interromper as ações criminosas, identificar os desvios, contabilizar a quantidade de fantasmas, entre outros.

Com informações g1/to.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios